Fragmentos das férias parte : 01

Em Outubro de 2016 eu e o Brayan fizemos a nossa primeira viagem juntos para outro estado (e começamos com grande estilo, foram 3 estados em um mês), no começo pensei que seria uma viagem onde eu poderia trazer muito conteúdo diferente para o blog, pensei até em gravar vídeos (no fim acabei gravando só um mesmo). Depois tive que reconhecer que essa viagem foi muito íntima para nós, já que fomos visitar nossas famílias e minhas melhores amigas. Então, tive que d e s a c e l e r a r e me desconectar um pouco para poder aproveitar aquele pouco tempo que tivemos ao lado de pessoas tão especiais para nós. Por um momento desejei que o tempo parasse naquele sorriso amarelado, ou em uma conversa envolta da mesa da cozinha, ou naquele olhar saudoso sem mesmo ter acabado as férias. 

Por isso fiquei tanto tempo enrolando para postar alguns fragmentos das minhas férias para vocês, porque foram tantas emoções vividas que não poderiam ser descritas aqui em um post. Vivemos e convivemos com pessoas que estão tão presentes na nossa vida que nem a distância pode separar. Um convívio tão íntegro assim deixa uma marca em você, entende ?

Talvez devêssemos começar pelo começo não é mesmo ?

ALTO DA SÉ 

Fomos visitar o Alto da Sé logo no primeiro dia que chegamos, foi um fim de tarde agradável aquele. Vimos um ponto turístico, que tinha sua música ao vivo, aquele cheiro de comida gostosa que só o nordeste pode oferecer, sorrisos simpáticos, algumas cervejas e terminou com açaí, mas bem…Estou me adiantando, não é mesmo ?

Chegamos no Alto da Sé, localizado em Olinda já quase no pôr-do-sol, então aproveitamos os últimos minutos que tínhamos de luz para tirar umas fotos, demos uma boa olhada nas lojinhas de artesanato que tem por lá, que tem de tudo : roupas, cachaça, coisas pra casa, chaveiros, etc. O Brayan aproveitou para comprar uma pulseira de couro que por sinal ele não tira do braço desde as férias. Tomamos algumas cervejas, conversamos um pouco e depois fomos comer um açaí em algum lugar, que agora não me recordo o nome.

Agora vou deixar vocês com uma foto que fez meu coração se encher de alegria e ter  feito valer a pena o rolê (♥)

a n a v e s t e  // Blusa e bolsa : Renner l Macaquinho : Garimppo l All Star

 NIVER UM ANO DA HELÔ

O motivo da minha viagem para Recife, foi porque fui convidada para fotografar a festa de um ano da minha prima. Imagina a minha alegria ao receber esse convite tão especial da minha tia. Realmente foi um momento muito especial para mim. Nunca pensei que seria capaz de concretizar um desafio tão grande que é fotografar uma criança. Fotógrafos de festas de um ano vocês estão de parabéns! Não vou compartilhar muitas fotos da festa aqui, pois foi um momento bem íntimo, mas fica uma provinha aqui para vocês :

a n a v e s t e // vestido raw clothing

 RECIFE ANTIGO 

Fomos visitar o Recife Antigo com meus tios e o Brayan aproveitou para dar uma volta de patins. Não fizemos nada demais, apenas fomos dar uma volta mesmo no fim da tarde e aproveitamos para tirarmos algumas fotos. Eu fiquei louca por essa área de Recife, pena que não pude explorar muito no tempo em que estive lá, no próximo post vocês saberão o porquê.

a n a v e s t e // blusa e macaquinho : garimppo l all star

Esse post não é bem um post de viagem onde eu compartilho detalhadamente tudo o que vivi, até porque seria meio difícil já que o tempo que estivemos lá, quisemos aproveitar para ficarmos grudados na família. Mas espero que tenha dado para vocês terem uma provinha do que foram os primeiros dias de férias.

Com amor,
clara rocha.

16 comentários sobre “Fragmentos das férias parte : 01”

  1. Clara, este post além de incrível está delicioso! Sua família é linda e as fotos não poderiam expressar outra coisa! Meu sonho também é viajar por aí com o meu namorado, ainda estamos na fase de planejamento, a sensação deve ser tão gostosa <3

  2. Entendo você quando você dizq ue é bom desconectar. Toda vez que viajo penso nas mil foto que quero tirar, mas aí o role acaba sendo tão delicinha que eu desisto.
    Mas mesmo assim sua viagem renderam fotos maravilhosas!
    To apaixonada pelo seu blog, cada vez que venho aqui você me surpreende mais com os posts e fotos <3
    Quero te conhecer logo

  3. Ah, eu estava aguardando esse post! Eu só acompanhei de leve pelo instagram, mas queria ouvir (ler, mas vamos fingir que “ouvir” é o verbo adequado aqui) mais sobre tudo isso vindo de você.
    Eu senti leveza em cada uma das suas palavras e adorei que você teve momentos tão bons assim com pessoas que você gosta tanto. Não preciso nem dizer que as fotos ficaram maravilhosas e me fizeram ter vontade de ir pra cada um desses lugares. E olha que o norte do país nunca me chamou taaaaaanta atenção assim; só você pra conseguir isso com um post só.
    Fiquei bem curiosa do motivo por você não ter ficado tanto naquela parte ali de Recife, mas vou ficar aguardando ansiosa o próximo post pra descobrir. Ah, e aquela foto sua (no prediozinho amarelo e tal; é uma casa de show? teatro?) foi a minha favorita.

    Beijos,
    Bi.

    http://www.naogostodeunicornios.com

  4. que post mais lindo, que fotos mais lindas ♥ acho super justo desacelerar, especialmente em viagens mais íntimas, com família e etc! isso de ficar registrando tudo o tempo todo é legal, mas chega uma hora que dá uma cansadinha, né? nessas horas é bom pausar. amei as fotos que colocou no post e o pouquinho que colocou sobre elas. já quero ler os próximos!

    1. As vezes a gente fica sempre em busca da foto perfeita que se esquece um pouco de curtir o momento. É bom fotografar, filmar, mas é sempre melhor se lembrar de curtir o momento, pois isso fica registrado pra sempre na nossa memória. ♥

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.